Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado mostra o pré-candidato do PSDB à Presidência, José Serra, dez pontos à frente da pré-candidata do PT, Dilma Rousseff. Segundo o levantamento realizado nos dias 15 e 16 deste mês, o tucano tem 38% das intenções de voto e a petista, 28%. É a primeira pesquisa desde que Serra lançou sua candidatura.

Eleições 2010

Pesquisa Datafolha de abril de 2010

Gerando gráfico...
Datafolha

No fim de março, a diferença entre Serra e Dilma era de nove pontos. Eles tinham, respectivamente, 36% e 27%. A oscilação está dentro da margem de erro, de dois pontos percentuais.

Marina Silva, pré-candidata do PV, aparece com 10% das intenções de voto e Ciro Gomes, pré-candidato do PSB, com 9%. A diferença está dentro da margem de erro. Segundo o Datafolha, 7% dos entrevistados respondem que votarão em branco, nulo ou em nenhum. Outros 8% dizem ainda estar indecisos.

Ainda de acordo com o Datafolha, sem Ciro Gomes - ainda há dúvidas se o PSB vai lançá-lo oficialmente como candidato à Presidência - a diferença entre Serra e Dilma aumenta. O tucano fica com 42% contra 30% da petista.

Marina Silva vai a 12%. Nesse cenário, há 8% de indecisos e 8% afirmando votar em branco, nulo ou em nenhum.

Segundo turno

No segundo turno, Serra venceria a disputa contra Dilma. O tucano aparece com 50% das intenções de voto e a ex-ministra, com 40%.

No final de março, os percentuais eram 48% e 39%. A variação se deu, portanto, dentro da margem de erro.

Pesquisa espontânea

Dilma tem 13% e Serra aparece com 12% quando os eleitores foram questionados sem o Datafolha mostrar nomes de candidatos. No mês passado, a petista tinha 12% e o tucano estava com 8%.

Sensus

Na terça-feira (13), pesquisa Sensus encomendada pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Construção Pesada de São Paulo (Sintrapav) apontava empate entre José Serra e Dilma Rousseff .

Segundo a sondagem, Serra teria 32,7% das intenções de voto, enquanto Dilma aparecia com 32,4%. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Políticos e especialistas comentam Datafolha:

Outras pesquisas:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.