Cinco ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votaram pela demarcação contínua da reserva indígena Raposa Serra do Sol, localizada em Roraima. O ministro Eros Grau conclui o seu voto favorável à demarcação contínua.

Também já se manifestaram favoravelmente à demarcação continua os ministros Carlos Ayres Britto (relator), Carlos Alberto Menezes Direito e Cármen Lúcia e Ricardo Lewandowski.

O ministro Marco Aurélio Mello pediu vista do processo, mas o presidente do tribunal, Gilmar Mendes, decidiu manter a sessão para que os outros ministros pudessem apresentar seus votos ainda hoje.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.