Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Serra descarta motivo para pânico por cheia de represas

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), procurou hoje tranquilizar a população que vive no entorno das represas do Sistema Cantareira. Não há motivo para pânico, afirmou Serra.

Agência Estado |

"A prevenção bem feita minimiza incrivelmente qualquer espécie de tragédia." Os reservatórios estão no limite de armazenamento por conta das fortes chuvas dos últimos meses.

Ontem, a Companhia de Saneamento do Estado (Sabesp) aumentou a vazão das represas para evitar um extravasamento. A alta dos rios afetaria, sobretudo, os municípios da região de Bragança Paulista, entre eles Atibaia, Bom Jesus dos Perdões e Piracaia.

De acordo com Serra, o governo está em contato permanente com as prefeituras de cidades próximas às represas para alertar os moradores a tempo de deixar a região. Cabe às prefeituras determinarem a desocupação de áreas de risco. "Vamos trabalhar com um nível de segurança, retendo o máximo de água possível e fazendo o vazamento na menor proporção possível", disse o governador.

Serra afirmou que há, sim, áreas com risco eminente de alagamento caso o nível dos rios suba após o aumento da vazão dos reservatórios. "Há áreas em que (o risco) é certo como dois e dois são quatro. Em outras, você deixa em alerta, as pessoas tiram as coisas de maior valor e, se necessário, saem das casas."

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG