As obras de construção do túnel Santos-Guarujá vão começar até o fim do ano. A garantia foi dada anteontem pelo governador de São Paulo, José Serra (PSDB), durante a inauguração do Parque Municipal Roberto Mário Santini, na Praia do José Menino, em Santos.

De acordo com Serra, o processo de licitação da construção, orçada em cerca de R$ 450 milhões, ocorrerá neste semestre. Ontem, a Assessoria de Imprensa do secretário de Transportes, Mauro Arce, informou que ele confirmava o anúncio, mas não comentaria o assunto.

No evento, Serra reconheceu que as balsas são “um meio precário” de travessia que, nos últimos tempos, sobretudo na temporada, vêm provocando muitas reclamações dos usuários, não só de turistas, mas principalmente dos moradores de Santos e de Guarujá, que chegam a esperar, em determinadas ocasiões, até uma hora nas filas do ferryboat. Serra garantiu, porém, que as balsas não serão desativadas, após a conclusão do túnel. “A ideia é mantê-las como um ‘transporte complementar’”, disse.

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Túnel, o deputado estadual Paulo Alexandre Barbosa (PSDB) comemorou o anúncio. O projeto foi idealizado há mais de 60 anos pelo arquiteto e ex-prefeito de São Paulo Prestes Maia, autor do Plano Regional de Santos, em 1947. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.