A Grande Família completa 10 anos com novos cenários - Brasil - iG" /

Série A Grande Família completa 10 anos com novos cenários

O programa A Grande Família, encabeçada por Lineu e Nenê Silva, personagens de Marco Nanini e Marieta Severo, completa neste ano 10 anos no ar, dividindo dívidas, discussões e gargalhadas com o público. Se depender do diretor-geral Maurício Farias, boas histórias de humor não irão ficar de fora da décima temporada.

Agência Estado |

O malandro Agostinho Carrara, personagem de Pedro Cardoso, abre o saco de risadas. Nessa fase, ele será figura presente na política como candidato a deputado estadual. A cabeleireira Marilda (Andréa Beltrão) sai de cena, mas outras solteironas despontam no vídeo. Entre elas, Claudia Raia, como uma cantora quarentona e affair de Tuco (Lúcio Mauro Filho), filho de Nenê. De resto, Lineu continua firme no emprego de sanitarista, Nenê, como dona de casa, e Bebel (Guta Stresser), como manicure.

Como é ano de comemoração, os seis cenários que marcam o seriado ganham novos ares. A casa de dona Nenê aparece repaginada, com azulejos encomendados de Minas Gerais, peças da década de 70 compradas em feiras livres do Rio de Janeiro e uma sala mais ampla. "Estava na hora de uma reforma. Os móveis da Nenê ainda são os mesmos do início do seriado", diz Maurício Farias.

Até o encerramento da nona temporada, o programa colecionava 330 episódios gravados. Por 380 vezes, a casa cenográfica foi montada aos domingos e desmontada às segundas-feiras. O esforço da produção corrobora com a boa média de audiência da atração. Em 2009, o seriado fechou o ano com a média de 33 pontos no Ibope (a atual novela das 8 mantém média de 38 pontos). Em 24 de julho de 2003, o medidor de audiência chegou a bater 47 pontos, recorde na história do seriado, com o episódio "Velhinho Pocotó". Todo o capítulo foi uma homenagem ao ator Rogério Cardoso (1937-2003), intérprete de seu Flor, pai de Nenê.

Apesar da perda do ator, o seriado não enfraqueceu. A trama ganhou personagens como Paulão da Regulagem (Evandro Mesquita) e Beiçola (Marcos Oliveira) e passou a ser transmitida para Moçambique, Timor Leste, Nova Zelândia e Argentina. Em 2007, o sucesso da TV migrou para o cinema. O longa, dirigido também por Maurício Farias, atraiu mais de 2 milhões de espectadores ("Se eu Fosse Você 2" teve 6 milhões).

Leia mais sobre: A Grande Família

    Leia tudo sobre: globotelevisão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG