Antes da votação da Medida Provisória (MP) 442, que amplia os poderes do Banco Central (BC) para ajudar os bancos em dificuldades por conta da crise financeira mundial, o plenário do Senado precisa desobstruir a pauta que está trancada por duas MPs - 440 e 441 -, que tratam de reajustes dos funcionários públicos e um projeto de urgência constitucional, que estabelece a criação de cargos, entre outras providências. A MP 442 só começará a trancar a pauta a partir do dia 20.

A matéria já foi aprovada na Câmara no último dia 28 e a orientação do governo Lula é não alterar o texto, o que obrigaria uma nova votação pelos deputados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.