Senado pode criar comissão para discutir reforma política

BRASÍLIA ¿ Durante a reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado desta quarta-feira, os senadores presentes decidiram criar uma comissão para discutir a reforma política no País.

Camila Campanerut, repórter em Brasília |

O presidente da CCJ, Demóstenes Torres (DEM-GO), sugeriu que a nova comissão terá como presidente o senador Marco Maciel (DEM¿PE). O relator indicado por Torres é o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR) e os integrantes que já aceitaram participar da nova comissão são os senadores Pedro Simon (PMDB-RS) e Aloizio Mercadante (PT-SP).

Márcia Kalume/Agência Senado

Senadores debatem criação de comissão durante reunião da CCJ

A ideia de estudar pporpostas para a reforma política partiu da retirada da pauta de um projeto de lei do tucano Álvaro Dias (PR), que determinaria a diminuição do número de deputados federais, visando reduzir gastos no Poder Legislativo. 

A proposta de Dias inclui a redução gradual do número de deputados federais de 513 para 405, em quatro eleições. O novo cálculo proposto pelo senador por Paraná determina que cada unidade da federação passaria a ter quatro em vez de oito deputados federais.

Leia também:

Leia mais sobre: reforma política

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG