O Conselho de Ética do Senado elegeu o senador Paulo Duque (PMDB-RJ) para presidente. Foram dez votos favoráveis ao nome de Duque, quatro em branco e uma abstenção.

O peemedebista ficará no comando do conselho pelos próximos dois anos. Duque marcou a próxima reunião do conselho para o dia 5 de agosto.

O Conselho de Ética terá de analisar representação do PSOL contra o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e três denúncias apresentadas pelo líder do PSDB, senador Arthur Virgílio (AM), também contra Sarney.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.