Sem-teto invadem prédios da CDHU no centro de São Paulo

SÃO PAULO - Cerca de 350 pessoas do Movimento dos Sem-Teto do Centro (MSTC) ocupam, desde o início da madrugada desta segunda-feira, dois prédios da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), no centro da capital paulista. A Polícia Militar cercou o local, cortou a luz por volta das 11h30 e negocia a saída dos manifestantes.

Redação com Agência Estado |

De acordo com a polícia, os sem-teto chegaram, por volta da 0h, em cinco ônibus aos edifícios localizados no cruzamento da Avenida do Estado com a Rua João Teodoro, na região central de São Paulo. 

Futura Press
Manifestantes dormem em edifício ocupado

O grupo pede o atendimento das famílias despejadas da ocupação Prestes Maia, em 2007, e do antigo cinema da Mooca. Além disso, querem que o atendimento habitacional não se restrinja apenas a casos de emergência e exigem cartas de crédito para mil famílias que moram em cortiços.

A Prefeitura informou que "está analisando" a situação para avaliar quais providências serão tomadas para a retirada dos manifestantes.

Leia mais sobre: MST

    Leia tudo sobre: movimento dos sem-teto do centromstmstcsão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG