Sem-terra ocupam praças de pedágio no Paraná

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocupou hoje praças de pedágio nas rodovias paranaenses, como parte das manifestações que marcam a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária e também para lembrar os 12 anos da morte de 19 sem-terra em confronto com a polícia em Eldorado dos Carajás (PA). O MST também reclamou, em panfleto distribuído aos motoristas, que há milícias armadas agindo contra os sem-terra no Estado.

Agência Estado |

As invasões ocorreram durante a manhã e atingiram 11 das 27 praças existentes no Estado. No entanto, três foram desocupadas voluntariamente logo depois, mantendo-se a manifestação em oito locais. Os funcionários foram orientados a deixar as praças para evitar confronto. Os sem-terra levantaram as cancelas e os carros passaram sem pagamento da tarifa. Em nota, o movimento acentuou que "os pedágios são um dos principais entraves da agricultura camponesa e familiar".

A concessionária Viapar conseguiu liminar de reintegração de posse da praça de Mandaguari, no noroeste do Estado, por volta do meio-dia, mas os manifestantes começaram a deixar os locais de forma espontânea a partir das 16 horas. O MST informou que deixaria todas as praças até a noite. Entre as praças invadidas estava a da Ecovia Caminhos do Mar, instalada na BR-277, em direção ao litoral paranaense, onde há grande fluxo de caminhões, devido ao escoamento da safra agrícola.

Durante a manhã, dezenas de integrantes do MST fizeram uma manifestação em Ortigueira, a 250 quilômetros de Curitiba, na região central do Paraná, lembrando a morte do sem-terra Eli Dallemole, no dia 30 de março. Eles fizeram uma caminhada e deixaram um caixão em frente ao Fórum. Depois, foram à praça da Igreja Matriz, onde foi realizado um ato, que reuniu políticos e representantes de movimentos sociais. De acordo com investigações da polícia, Dallemole morreu em razão de desavenças com Odenir Souza Matos, que está preso acusado de ser o autor dos tiros.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG