Sem-terra ocupam fazenda da Ambev em Agudos

Cerca de 600 famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) ocuparam hoje pela manhã uma fazenda no município de Agudos, a 330 quilômetros de São Paulo. Na área, de 5.

Agência Estado |

400 hectares, a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) planta eucalipto e cana-de-açúcar, segundo a assessoria de imprensa do MST.

A assessoria de imprensa da Ambev confirma a ocupação e informa ter avisado as autoridades, mas só deve tomar as medidas jurídicas cabíveis na segunda-feira.

As famílias querem que a área seja transformada em assentamento. Atualmente há 1.600 famílias acampadas no Estado, segundo o MST. Essa é a quinta ocupação feita por integrantes do MST em abril e faz parte da Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária, que lembra o massacre de Eldorado dos Carajás, no qual foram 19 trabalhadores rurais foram mortos em confronto com a polícia, no Pará, em 17 de abril de 1996.

    Leia tudo sobre: sem-terra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG