BRASÍLIA - A Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) ligada ao Gabinete de Segurança Intitucional da Presidência da República vai apostar no estímulo à prevenção para combater o uso de drogas no Brasil. A estratégia faz parte da 11ª Semana Nacional de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas que teve início nesta terça-feira e segue até a próxima sexta-feira. O lema do evento este ano é ¿Melhor que Reprimir é Unir Forças para Prevenir¿.

Participaram da cerimônia de abertura da semana o secretário nacional antidrogas, general Paulo Uchôa, e o ministro de Segurança Intitucional, general Jorge Félix, que fizeram a entrega da premiação dos concursos de cartazes, fotografias, jingles e monografias sobre o tema.

O secretário antidrogas, Paulo Uchôa, afirmou que os prêmios são uma forma de envolver a sociedade, já que todos têm papel fundamental no combate às drogas.

Quando a gente entrega prêmios para as crianças, que fizeram aquilo com muito cuidado, nós sabemos que elas também envolveram os pais, os coleguinhas, os professores, na participação daquele trabalho, afirmou o general.

De acordo com o ministro do Gabinete de Segurança Intitucional, a prevenção já é uma estratégia utilizada pelo governo para combater o problema. Nós já fazemos um trabalho com a comunidade, com educadores, oferecemos cursos, para ajudar na prevenção, disse o general Jorge Félix.

Na quarta-feira, o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crims (Unodc) apresentará um relatório mundial sobre o consumo de drogas. Os dados relacionados ao Brasil serão apresentados aos participantes da Semana Nacional de Prevenção ao Uso Indevido de Drogas no auditório do anexo 1 do Palácio do Planalto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.