Sem Marta e Alckmin, debate em SP tem clima ameno

Foi ameno o clima do primeiro debate entre os candidatos a prefeito de São Paulo, realizado hoje pelo portal iG. Sem a presença dos candidatos Marta Suplicy (PT), da Coligação Uma Nova Atitude para São Paulo (PT-PCdoB-PDT-PTN-PRB-PSB), e Geraldo Alckmin (PSDB), da Coligação São Paulo, na Direção Melhor (PSDB-PTB-PHS-PSL-PSDC), líderes nas pesquisas de intenção de votos, houve poucas propostas e muita conversa entre os concorrentes sobre as questões da capital paulista.

Agência Estado |

Participaram do debate, transmitido pela internet, o prefeito Gilberto Kassab (DEM), candidato da Coligação São Paulo no Rumo Certo (DEM-PR-PMDB-PRP-PV-PSC) à reeleição, e os candidatos Paulo Maluf (PP), Sonia Francine (PPS), a Soninha , Ivan Valente (PSOL), Ciro Moura (PTC) e Levy Fidélix (PRTB).

Na hora do debate, Marta cumpria uma extensa agenda de campanha na zona sul da capital. Ela visitou o Hospital Municipal M'Boi Mirim, a Unidade Básica de Saúde (UBS) Jardim Caiçara, a Associação Unificada do Movimento de Moradores do Jardim Paranapanema e uma região de comércio no Jardim Ângela. Alckmin não teve compromissos de campanha no meio da tarde, mas, por volta do meio-dia, fez uma caminhada pelo centro e inaugurou a sede do comitê de campanha, também nesse bairro.

O debate durou pouco menos de duas horas. Educação e trânsito dominaram as discussões. Os aspirantes debateram a conveniência de adotar ou não o sistema de progressão continuada, sem reprovações, nas escolas municipais. Além disso, reconheceram o trânsito como uma das principais dificuldades da cidade e propuseram o aumento do número de ciclovias, freeway (via) sobre os Rios Tietê e Pinheiros e, de novo, a construção do "aerotrem". Também não participaram do debate os candidatos Edmilson Costa (PCB), Renato Reichmann (PMN) e Anaí Caproni Pinto (PCO).

    Leia tudo sobre: debate ig

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG