Um selo do imperador chinês Kangxi foi vendido neste sábado em um leilão em Toulouse (sul da França) por 4,7 milhões de euros a compradores chineses, um valor que representa um recorde mundial para um selo, segundo os organizadores do leilão.

"É um recorde mundial para um selo e um recorde europeu para um objeto chinês", disse o comissário do leilão, Hervé Chassaing, que se confessou "emocionado" pela venda, que teve a participação de pelo menos 200 compradores.

O selo, que data do século XVII, foi leiloado com um preço inicial de 300.000 euros. Foi adquirido por um ou vários compradores chineses, que aumentaram progressivamente o valor por telefones.

Incluindo os gastos finais do leilão, o preço final do selo fica em 5,6 milhões de euros.

ale/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.