Segurança Pública é problema nacional, afirma Lula

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou a importância da discussão sobre o tema segurança pública e cobrou mobilização nacional de todas as autoridades sobre o assunto. Em discurso realizado na 1ª Conferência Nacional de Segurança Pública, o presidente afirmou que o problema é de todos nós brasileiros, do presidente da República ao mais humilde dos brasileiros, passando por todos os dirigentes. O problema é da responsabilidade de 190 milhões de brasileiros, disse.

Luciene Cruz, repórter em Brasília |

A ideia do debate sobre o tema é criar um novo patamar de discussão e com isso consolidar uma nova metodologia para a segurança. "Queremos que a polícia use cada vez mais a inteligência e menos a força bruta", endossou.

Para o presidente, o tema é de responsabilidade de todas as autoridades, sejam elas federais, estaduais ou municipais e comparou o problema da segurança pública a de um cachorro com muitos donos. "É um jogo de empurra, como se segurança fosse cachorro que morre de fome porque todo mundo pensa que o outro deu comida. Não tem inocente, todo mundo pode ser culpado se todos quiserem fugir da responsabilidade. E seremos todos inocentes se todos nós cumprirmos obrigação", afirmou.

Lula ainda culpou antigos modelos econômicos exercidos no País que empobreceram cada vez mais uma parcela da população. Com isso, a falta de oportunidade leva jovens cada vez mais cedo ao mundo do crime. "Não se vê na televisão bandido de 50 anos. O que vemos são jovens. Sabemos quem está mais vulnerável e mais próximo de ser desencaminhado nesse País. Quando vejo um jovem sendo preso fico pensando que quem deveria ser julgado são aqueles que, durante décadas, não permitiram que esse jovem tivesse oportunidade de estudar e trabalhar".

O presidente Lula deixou o evento rapidamente, pois segue ainda nesta quinta-feira para Bariloche, onde participa nesta sexta-feira da reunião da Unasul (União Nações Sul-Americanas).

Leia mais sobre: segurança pública

    Leia tudo sobre: jovemjovenslulasegurança pública

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG