Alckmin vai esperar até fim de março para oficializar rodízio de água em SP

Por Vitor Sorano , iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Se o Cantareira não atingir a meta, restrição será anunciada logo em seguida, segundo o governo

Reunião do Comitê de Crise Hídrica criado pelo governo Alckmin
Vitor Sorano/iG São Paulo
Reunião do Comitê de Crise Hídrica criado pelo governo Alckmin

O governo de Geraldo Alckmin (PSDB) definiu o fim de março como o prazo máximo para oficializar o rodízio de água em São Paulo. A gestão não admite que a política esteja em vigor apesar dos cortes de água já estarem ocorrendo, como revelou o iG

O rodízio será adotado se o sistema Cantareira, o maior da Região da Metropolitana de São Paulo, não atingir um determinado nível, ainda não definido, até o fim de março.

LEIA:  Rodízio é próxima opção, mas não há decisão, diz secretário

Nesta sexta-feira (13), o Cantareira opera com 6,9% da sua capacidade, contabilizadas duas cotas do volume morto. Há outras duas disponíveis e não utilizadas, segundo o governo.

VEJA: Crise hídrica faz com que ao menos 30 municípios do País cancelem Carnaval

Comitê da Crise se reúne pela primeira vez

Nesta sexta-feira (13) o Comitê de Crise Hídrica, criado pelo governo tucano há dez dias, faz a sua primeira reunião. Alckmin, cuja presença não estava prevista, compareceu ao encontro, que contou com quatro secretários de Estado e seis prefeitos, inclusive da capital.

Os secretários de Estado de Recursos Hídricos, Benedito Braga, de Energia, João Carlos Meireles, e da Casa Civil, além do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e do secretário municipal de governo, Chico Macena, participam da reunião.

A expectativa da gestão tucana é cobrar dos prefeitos o bom funcionamento dos equipamentos estaduais que estão nos municípios, como escolas e hospitais.

IMAGENS: Veja fotos da crise hídrica que atinge São Paulo e região:

Vaca caminha pela Represa Jacareí, no dia 29 de janeiro: normalmente ali teria água. Foto: Futura PressSituação calamitosa da Represa Jacareí, parte do Sistema Cantareira, no dia 29 de janeiro. Foto: Futura PressCarro no meio na Atibainha devido ao baixo nível da represa: cenário desolador. Foto: Futura PressPedalinhos inutilizados na Represa Atibainha, parte do Cantareira, em janeiro. Foto: Futura PressRepresa Atibainha, em janeiro de 2015. Foto: Futura PressLixo surge na Represa de Atibainha, em janeiro. Foto: Futura PressEm protesto contra a falta de água, governador Geraldo Alckmin é ironizado por manifestantes (26/01/2015). Foto: AP PhotoEm São Paulo, moradores organizaram uma passeata contra a falta de água. Foto: AP PhotoMoradores protestam contra a falta de água em São Paulo (26/01/2015). Foto: AP PhotoProtesto 'Banho Coletivo na casa do Alckmin', na manhã desta segunda-feira (23), em frente ao Palácio dos Bandeirantes. Foto: Futura PressFalta de água em São Paulo se agrava e motiva protestos . Foto: AP PhotoRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em setembro; veja mais imagens da situação dos reservatórios do Sistema Cantareira. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em foto de setembro. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemRepresa do Jaguari, na cidade de Vargem, em foto de setembro. Foto: Luiz Augusto Daidone/Prefeitura de VargemObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura PressObras do Sistema Cantareira no segundo volume morto. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura Press Seca no reservatório do Rio Jacareí, em Joanópolis, São Paulo. Foto: Futura PressSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia StavisSistema Cantareira tem o menor nível em duas décadas. Foto: Patricia Stavis


Leia tudo sobre: crise da águacrise hídricasecaalckminigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas