Seca causa incêndios em Brasília

Ao menos 45 focos de incêndio foram verificados na cidade. Escolas suspendem aulas e aeroporto operou por instrumentos durante 6 horas

iG São Paulo |

Brasília amanheceu hoje tomada por forte fumaça causada por grandes incêndios, principalmente, em três regiões da cidade: Base Aérea, Jardim Botânico e Floresta Nacional. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, cerca de 500 militares, 17 viaturas e 2 helicópteros foram escalados para conter o fogo, causado pela baixa umidade do ar que é verificada no Distrito Federal nos últimos meses.

O Corpo de Bombeiros considera os incêndios "de grande proporção". Segundo a corporação, desde ontem, pelo menos 45 focos de incêndio foram identificados no DF. Ainda não há uma estimativa do tamanho da área atingida pelos focos. A informação, segundo os bombeiros, deverá ser confirmada no final do dia. Até as 11 horas, o fogo ainda não havia sido controlado na Base Aérea, Jardim Botânico e na Floresta Nacional.

Aeroporto

O Aeroporto de Brasília operou por instrumentos durante seis horas nesta sexta-feira, das 4h20 às 10h20, devido a falta de visibilidade provocada pela fumaça de um incêndio nos arredores. Segundo a Infraero, nenhum voo foi cancelado. O Corpo de Bombeiros tenta apagar o foco de incêndio em uma mata próxima ao terminal.

Os incêndios podem ter sido provocados pelas condições climáticas. A baixa umidade do ar e o calor, comum nessa época do ano, favorecem queimadas. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a tendência é que a umidade do ar fique em torno de 15% hoje. A temperatura máxima pode alcançar os 32ºC. Ontem, o índice do ar chegou a 13%, no período entre 15 e 16 horas, e os termômetros registraram 31,5ºC.

Por causa da fumaça, quatro escolas na região do Paranoá e a Escola Classe Jardim Botânico suspenderam as aulas hoje. Segundo a Secretaria de Estado de Educação do DF, esse é o segundo dia que a Escola Jardim Botânico cancela as aulas.

Balonismo

A organização do Campeonato Nacional de Balonismo da Independência suspendeu as provas previstas para a de hoje em razão da falta de visibilidade. O torneio, que faz parte das comemorações da Semana da Pátria, reúne 37 balões que se enfrentarão em uma disputa que contará com 30 pontos de pouso em todo o Distrito Federal.

Desde quarta-feira, feriado da Independência, os balões sobem aos céus em dois horários: às 7h e às 16h. Os pilotos decolam da Esplanada dos Ministérios, próximo à Catedral, e seguem em direção ao Eixo Monumental e ao Lago Paranoá. O evento termina no sábado.

    Leia tudo sobre: incêndiobrasíliatempo seco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG