O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, disse nesta tarde que, se decidir pela via eleitoral, deixará o cargo no dia 1º de abril de 2010. Caso a decisão seja a de não se candidatar a um cargo eletivo, Meirelles afirmou que permanecerá à frente do BC até 31 de dezembro de 2010.

"O meu compromisso com o presidente Lula é de tomar uma decisão sobre o meu futuro, se for buscar a via eleitoral, em março de 2010", disse, ao participar de seminário promovido pela bancada do PMDB na Câmara dos Deputados, partido ao qual Meirelles se filiou este ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.