O Ministério da Saúde lançou na terça-feira a Caderneta de Saúde do Adolescente para possibilitar que jovens tenham informações de como cuidar da sua saúde e se manter saudável no período em que começam as grandes mudanças do corpo. Além disso, a caderneta traz quais vacinas são recomendadas para essa faixa etária.

De acordo com dados do ministério, a cada ano, três milhões de brasileiros entram na adolescência. Atualmente, 30 milhões de jovens entre 10 e 19 anos estão nessa fase.

Os padrinhos da campanha foram o atleta paraolímpico, Alan Fonteles, de 16 anos e a patinadora brasiliense, Gabriela Almeida, de 12 anos. Em 2007, um projeto-piloto para implantação da caderneta foi realizado em oito municípios de várias regiões brasileiras, como Tabatinga (AM), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Petrópolis (RJ) e Rio Branco (AC).

A secretaria informou que a implantação da caderneta será em etapas e neste primeiro momento serão priorizados os municípios inseridos no Programa Saúde na Escola incluindo as 27 capitais. Serão impressas três milhões e meio de cadernetas, além da disponibilização do material no site do Ministério da Saúde , ainda neste ano.

As cadernetas serão confeccionadas uma para o público feminino e outra para o masculino, com dicas e temas de interesses variados. Na caderneta das meninas, haverá informações como tabela de ciclo menstrual e o corpo feminino, por exemplo, enquanto no material dos meninos haverá itens como ejaculação e funcionamento do pênis.

AE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.