Sarney anuncia sindicância para apurar denúncias

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), anunciou na manhã de hoje, em entrevista coletiva transmitida ao vivo pela televisão, que vai mandar abrir uma comissão de sindicância para apurar as denúncias de centenas de atos secretos para criação de cargos, nomeações e reajustes salariais na Casa, revelados em reportagem publicada no dia 10 pelo jornal O Estado de S. Paulo .

Agência Estado |

Segundo Sarney, a comissão será acompanhada por um procurador-geral da República e um auditor do Tribunal de Contas da União (TCU).

Dessa maneira, será iniciado um processo para apurar as responsabilidades pelos atos, e, em seguida, de acordo com a lei, será feito um inquérito administrativo para punir os culpados. Sarney também determinou a criação de um portal de transparência dentro do Senado que publique tudo o que acontece dentro da Casa, sem negar nenhuma informação ao pública e uma auditoria externa na folha de pagamento.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG