Sarney acata decisão do STF de cassar mandato do senador Expedito Júnior

BRASÍLIA ¿ O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), acatou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de cassar imediatamente o mandato do senador Expedito Júnior (PSDB-RO).

Camila Campanerut, iG Brasília |

Segundo sua assessoria de imprensa, Sarney encaminhou o ato para publicação no Diário Oficial do Congresso na edição desta sexta-feira. Já na terça-feira da próxima semana, Acir Gurgacz (PDT) deverá ser empossado no lugar de Júnior.

Mais cedo, o peemedebista lamentou a saída do senador e afirmou que dividiria a decisão com a Mesa Diretora, da qual é integrante. O assunto faria parte da reunião da Mesa Diretora nesta manhã, mas de acordo com o primeiro-secretário, Heráclito Fortes (DEM-PI), o documento do STF não chegou a tempo.

Expedito Júnior foi acusado de compra de votos e abuso de poder econômico nas eleições de 2006 e cassado em junho deste ano pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de Rondônia. Júnior continuou na Casa por determinação da Mesa Diretora até a chegada da decisão do STF desta quinta-feira, votada por 7 votos a 1, que aceitava o mandado de segurança encaminhado por Gurgacz, segundo colocado nas últimas eleições.

Leia mais sobre: Expedito Júnior

    Leia tudo sobre: expedito júniorsarneysenadosenadores

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG