Por Christine Kearney NOVA YORK (Reuters) - A primeira-dama francesa, Carla Bruni-Sarkozy, cantará em público pela primeira vez desde que se casou com o presidente, Nicolas Sarkozy, em um show em Nova York no sábado para celebrar o 91o aniversário de Nelson Mandela.

O presidente francês participará do evento, no qual sua mulher se apresentará junto com Aretha Franklin, Queen Latifah, Stevie Wonder, Cyndi Lauper e outros, disseram organizadores nesta sexta-feira.

Carla, de 41 anos, lançou seu terceiro álbum meses após se casar com Sarkozy em fevereiro de 2008. Ela se apresentará com o ex-músico do Eurythmics, Dave Stewart.

Há mais de 18 meses, Stewart e Carla começaram a escrever letras que ainda não foram lançadas. Stewart, 56 anos, disse à Reuters ter feito as melodias enquanto Carla escrevia as letras em francês.

O show de três horas no Radio City Music Hall em Nova York também terá a presença do Soweto Gospel Choir e da cantora senagalesa Baaba Maal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.