Sargento aposentado suspeito de matar 13 é solto

SÃO PAULO - O sargento aposentado da Polícia Militar Jairo Francisco Franco, de 46 anos, foi solto na quinta-feira. Ele cumpria prisão temporária de 30 dias no Presídio Romão Gomes da PM, suspeito de ter cometido 13 assassinatos no Parque dos Paturis, em Carapicuíba, na Grande São Paulo.

Agência Estado |

    A reportagem tentou localizá-lo, mas ele não foi encontrado. Na segunda-feira, ele esteve na Associação de Cabos e Soldados de Osasco e disse ser inocente.

    Das 13 vítimas assassinadas, a maioria era homossexual, de origem humilde e foi encontrada com as calças abaixo do joelho, de costas e com um tiro na cabeça. De acordo com a polícia, o assassino atraia a vítima simulando que teria uma relação sexual com ela e antes que isso acontecesse atirava. O sargento estava fora da corporação desde 1990 e trabalhou em batalhões de Carapicuíba e Osasco. Foi nesse último município que ele também é suspeito de ter cometido outros dois crimes em 2008, um deles contra um homossexual. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

    Leia mais sobre: assassinatos em Carapicuíba

      Leia tudo sobre: assassinato

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG