São Paulo vacina 559,7 mil crianças contra paralisia em 3 horas

SÃO PAULO - O Estado de São Paulo vacinou 559.782 crianças de até cinco anos de idade contra a paralisia infantil entre as 8 horas e as 11 horas deste sábado.

Agência Estado |

    Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, são 224.313 crianças a mais do que na segunda fase da campanha de 2008, quando 335.469 haviam sido imunizadas. A meta é vacinar 2,9 milhões de crianças, o que corresponde a 95% do total de paulistas nesta faixa etária.

    AE

    Meta é vacinar 14,7 milhões de crianças no País


    A vacinação ocorre até as 17 horas em todo o Estado. Para a segunda fase da campanha, há 15.994 postos de vacinação fixos e volantes no Estado. Segundo a Secretaria, a ação envolve 51.499 profissionais da área da saúde, 4,2 mil veículos, 76 ônibus e sete barcos.

    Além da vacina contra a poliomielite, as crianças que forem aos postos de saúde poderão colocar em dia sua caderneta de vacinação. Estarão disponíveis vacinas como a Tetravalente (contra difteria, tétano, coqueluche), Tríplice viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) e contra hepatite.

    Não são registrados casos de paralisia infantil em São Paulo há 21 anos, mas o secretário de Estado da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata, afirma, por meio de nota, que a vacina é importante porque evita que o vírus volte a circular. A poliomielite, ainda presente em países da África e da Ásia, é causada pelo poliovírus selvagem e caracterizada por febre, mal-estar e cefaleia. Segundo a secretaria, os efeitos colaterais da vacina são "extremamente raros".

    O Ministério da Saúde divulgará um boletim com o balanço parcial da vacinação em todo o País às 17 horas.

    Leia mais sobre poliomielite

      Leia tudo sobre: vacinasvacinação

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG