São Paulo terá parque aquático público para cadeirantes

SÃO PAULO - O primeiro parque aquático público destinado à prática esportiva de cadeirantes e homologado pela Comissão Permanente de Acessibilidade (CPA), órgão ligado à Secretaria Municipal de Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida(SMPED), será inaugurado no próximo domingo, às 10h30, no Clube Escola Lapa, o Pelezão, na zona oeste de São Paulo.

Agência Estado |

Após dois meses de obras e R$ 130 mil investidos, o local recebeu vagas de estacionamento, vestiários, rampas de acesso e corrimãos. É o único clube público onde o cadeirante pode se locomover do carro até a piscina sem a ajuda de ninguém, afirma Celso Goldenberg, supervisor de Esportes da Subprefeitura da Lapa.

Apesar da reforma, Ana Lúcia Camargo Barros, diretora do Pelezão, diz que o clube ainda não oferecerá atividades aquáticas esportivas adequadas ao deficiente físico. Para isso, precisamos de um corpo técnico qualificado. E nós não temos.

Eduardo Auge, secretário da CPA, garante que outras áreas públicas vem sendo estudadas para passar por adaptações de acessibilidade semelhantes. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

Leia mais sobre: deficientes físicos

    Leia tudo sobre: deficientes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG