São Paulo tem Zona Azul eletrônica a partir desta segunda-feira

SÃO PAULO - Começou a valer nesta segunda-feira, na cidade de São Paulo, o novo sistema de Zona Azul eletrônica, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Mais de 3.072 vagas aceitam o sistema onde o usuário pode usar o telefone celular para ter créditos eletrônicos de estacionamento nas ruas da capital paulista.

Redação |

Acordo Ortográfico

São dois tipos de novas tecnologias, que serão testados na cidade por um período inicial de 180 dias. O que varia é a forma de aquisição do crédito. Do total de vagas, 2.016 se encontram na região dos Jardins e 1.056 na região da Cidade Jardim.

De acordo com a CET, duas vantagens do novo sistema são o fracionamento do horário, que permite a utilização de meia hora apenas, e o fato de não ser mais necessária a renovação manual do tempo, já que ela é feita automaticamente. É importante lembrar, porém, que o tempo máximo permitido em  vagas da Zona Azul é de duas horas.

Quanto à fiscalização, os agentes da CET a farão de maneira digital. Também com um aparelho celular, ele controla todos os veículos estacionados na via e seus tempos de uso.

Quem não quiser usar a novidade pode ficar tranquilo. O esquema de talões continua sendo aceito onde passa a valer a Zona Azul eletrônica.

Futura Press

Como obter créditos

Na região da Cidade Jardim, o motorista deve ligar para o número (11) 3065-5252 e fazer um cadastramento para a compra dos créditos de estacionamento através de cartão de crédito. Podem ser adquiridos até 20 créditos de 30 minutos, que custam R$ 18.

Ao estacionar, o usuário liga para o mesmo número, usando o mesmo celular, e digita os números da área, setor e vaga. O sistema, então, comunica o saldo e inicia a contagem, que será renovada a cada 30 minutos até o cancelamento ou chegar ao tempo limite de duas horas.

Na região dos Jardins é necessário adquirir um Cartão de Recarga com 10 horas de estacionamento, comercializado somente na área, que custa R$ 18. O cartão deve ser raspado para fornecer um número PIN. Através de um programa, que deverá estar instalado no celular, ou pelo envio de um SMS, o usuário entra no sistema e carrega seus créditos.

A partir desse momento, cada vez que for utilizar uma vaga de Zona Azul Eletrônica naquela região, ele fornece a placa do veículo e o código da área e do setor. O sistema inicia a contagem e a renovação é feita como na região da Cidade Jardim.

Se optar pelo uso do SMS, o motorista deve mandar a mensagem para um dos números (16)9996-6999, (16)8112-6716, (16)9187-7009 ou (16)9711-5115. O custo da mensagem varia de acordo com o pacote de serviços que o cliente mantém com sua operadora.

Leia mais sobre: Zona Azul eletrônica

    Leia tudo sobre: são paulozona azul eletrônica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG