São Paulo tem sete regiões em alerta para deslizamentos

SÃO PAULO - Um levantamento da Defesa Civil, divulgado nesta segunda-feira, mostra que há sete regiões da capital em estado de atenção pelo risco de deslizamentos e uma em estado de alerta máximo devido às chuvas.

Agência Estado |

A maioria das áreas em atenção fica na zona leste, como os bairros de Cidade Tiradentes, Guaianazes, Itaquera e Vila Prudente. Na zona oeste, o bairro em atenção é o Butantã e, na zona sul, Campo Limpo e M'Boi Mirim.

O balanço da Defesa Civil de São Paulo aponta que, desde terça-feira, 15 pessoas morreram e pelo menos 13 ficaram feridas devido às chuvas em todo o Estado.

Também na zona leste, a região do bairro de São Mateus teve 222 imóveis interditados devido aos riscos de novos acidentes e a situação é de alerta máximo. Na quinta-feira, três pessoas morreram em um desmoronamento de terra no Parque São Rafael.

As famílias que moram no local foram cadastradas e estão sendo retiradas e levadas para albergues ou para as residências de amigos e parentes.

Segundo a Defesa Civil do município, o estado de atenção se deve aos chuviscos que ainda persistem nesta segunda-feira. Porém, a tendência é a retirada dessas regiões dessa situação, devido à diminuição das chuvas e à elevação das temperaturas nos próximos dias.

Ainda de acordo com o órgão, as equipes patrulham os locais para verificar se há risco de novos deslizamentos, contando também com a ajuda dos moradores, que podem acionar a Defesa Civil quando encontrarem rachaduras em algum imóvel.

Leia também

Leia mais sobre: chuva

    Leia tudo sobre: alertachuvadefesa civil

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG