A maior parte das praias do litoral paulista foi considerada própria para banho na última análise realizada pela Companhia de Saneamento Ambiental de São Paulo (Cetesb). Entre os 155 pontos analisados, 121 receberam bandeira verde e 34 bandeira vermelha.

Em Santos e Mongaguá, todas as praias estão próprias para banho. Já Praia Grande apresentou o pior índice do litoral: das doze praias analisadas, apenas duas (Canto do Forte e Guilhermina) foram consideradas próprias.

No Guarujá apenas a praia do Perequê está imprópria, tendo os outros dez pontos analisados recebido bandeira verde da Cetesb. Em Bertioga, duas praias receberam bandeira vermelha e sete bandeira verde. Tanto em São Vicente quanto em Itanhaém, 50% das praias estão próprias e 50% impróprias. Em Peruíbe, o índice é um pouco melhor, dos seis locais analisados, quatro foram considerados com balneabilidade boa.

No litoral norte, a cidade que recebeu mais bandeiras vermelhas foi Ilhabela, com cinco praias impróprias para banho e oito próprias. Ubatuba e Caraguatatuba têm uma praia com bandeira vermelha cada: Itaguá e Indaiá, respectivamente; e entre os 29 pontos analisados em São Sebastião, 26 foram considerados com balneabilidade própria.

Em Iguape, no litoral Sul, os dois pontos analisados foram aprovados e em Ilha Cumprida, duas praias receberam bandeira verde e uma recebeu bandeira vermelha essa semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.