São Paulo registra 7ª morte por causa das chuvas

Um homem de 45 anos, morador de Cajamar, na Grande São Paulo, é a sétima vítima das fortes chuvas que atingiram na terça e quarta-feira a Grande São Paulo.

Agência Estado |

Antonio Carlos Vasquez estava desaparecido desde a manhã de hoje, após ter sido arrastado pela correnteza de um córrego no bairro da Vila União. O corpo foi encontrado por volta das 10h30, a cerca de 300 metros do local onde ele desapareceu.

Segundo a Defesa Civil, Vasquez caiu dentro do córrego depois de ultrapassar a barreira de segurança. As chuvas alagaram trechos dos bairros Gato Preto, Vila União, Vila Mariote, Santa Terezinha e Parque Paraíso.

Hoje, as chuvas também causaram outros danos em São Paulo. Parte do telhado de um supermercado desabou e deixou duas pessoas feridas pela tarde na Vila Curuça, na zona leste da capital. Segundo o Corpo de Bombeiros, três viaturas foram enviadas para o local. As vítimas sofreram escoriações e foram encaminhadas para hospitais da região.

Trânsito

Um buraco de cerca de 20 metros de extensão interdita duas faixas da Avenida Doutor Arnaldo, sentido Sumaré, na zona oeste de São Paulo. Técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) trabalham nos reparos, que devem durar até quatro dias.

De acordo com a CET, a cratera, que bloqueia a via na altura da Rua Major Natanael, tem cerca de 20 metros de extensão e 10 metros de largura.

Leia também:

  • Kassab deixou de investir R$ 353 milhões contra enchentes em SP
  • Chuvas deixam 20 mortos em 8 dias no Estado de São Paulo
  • Com motoristas ilhados, SP tem 9 km de lentidão no horário de pico
  • Chuva de terça-feira foi a maior em 10 anos, diz CGE
    • Leia tudo sobre: chuvas

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG