São Paulo intensifica fiscalização na venda de fogos

Foi publicada na edição deste sábado do Diário Oficial da cidade de São Paulo a ordem interna para que as subprefeituras da capital intensifiquem a fiscalização em pontos de venda ou armazenamento de fogos de artifício ou de estampido. A determinação complementa uma portaria sobre o mesmo assunto editada em junho de 2006.

Agência Estado |


Agora, cada subprefeitura deverá encaminhar uma listagem com a identificação dos pontos de venda e de estocagem de fogos de seus territórios administrativos, acompanhada de cronograma de vistoria. Essa lista deve ser entregue até o próximo dia 30.

Agência Estado
Funcionários da Defesa Civil de Santo André, região do grande ABC, trabalham na demolição de casas e retirada de entulho, neste sábado (26), no local onde ocorreu uma explosão na última quinta-feira (24), em uma loja de fogos de artifícios, deixando dois mortos e 12 pessoas feridas
Funcionários da Defesa Civil de Santo André trabalham na demolição de casas e retirada de entulho neste sábado

A ação da prefeitura ocorreu após a explosão de uma loja de fogos em Santo André, na Grande São Paulo, na última quinta-feira, que matou duas pessoas. A ordem da prefeitura é também para que sejam observadas com "absoluta prioridade" as disposições da Lei 12.891, de 1999, que preveem prazos, licenças e detalhes técnicos a serem observados pelos comerciantes desse tipo de material.

Leia mais sobre: Santo André - explosão

    Leia tudo sobre: fogos de artifíciolojasanto andré

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG