Acompanhe o trânsito em tempo real" / Acompanhe o trânsito em tempo real" /

São Paulo deve perder R$ 33 bilhões com trânsito, indica estudo

A cidade de São Paulo deve perder neste ano cerca de R$ 33,1 bilhões com os congestionamentos, o equivalente a 10% do Produto Interno Bruto (PIB) . http://ultimosegundo.ig.com.br/transito/ target=_topAcompanhe o trânsito em tempo real

Agência Estado |

A projeção leva em conta custos com o tempo perdido pelos trabalhadores em engarrafamentos, gastos com combustível, com problemas causados à saúde pela poluição e com o atraso na entrega de cargas.

O estudo foi preparado pelo economista Marcos Cintra, professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), e apresentado na segunda-feira em seminário realizado na capital sobre o desafio da mobilidade urbana.

Segundo Cintra, o prejuízo acumulado com os congestionamentos somava R$ 11,1 bilhões em 2000 e, em 2004, era de R$ 19,3 bilhões. "A tendência é piorar", avisa. A única alternativa para o caos no trânsito, sugere, é a velha receita do transporte coletivo de boa qualidade e em disponibilidade suficiente.

Presente ao evento organizado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), o ministro das Cidades, Marcio Fortes, concorda que São Paulo precisa no mínimo triplicar sua linha de metrô, hoje de apenas 60 quilômetros, mas informa que o anúncio do Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC da Mobilidade, previsto para o fim do ano, pode atrasar.

"Dependemos da decisão sobre as cidades que vão sediar a Copa do Mundo em 2014, pois elas terão prioridade nas obras", afirma Fortes. O ministro diz que, para obras do Metrô, estão previstas verbas de R$ 3,5 bilhões, sendo que R$ 1 bilhão virá de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Parte do investimento também virá de empresas privadas.

Cintra diz que a cidade de São Paulo recebeu, de janeiro de 2003 a março deste ano, 683 carros a mais por dia. Só em automóveis, a frota atualmente é de 4 milhões de veículos. Com motos, caminhões, ônibus e outros veículos, chega aos 6 milhões. "Medidas como o rodízio já não surtem mais efeito", diz ele.

Leia mais sobre trânsito em São Paulo

    Leia tudo sobre: trânsito em são paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG