São Paulo ainda tem um ponto de alagamento intransitável

SÃO PAULO - Do total de onze pontos de alagamento formados durante a manhã desta terça-feira devido às fortes chuvas que atingiram a capital paulista, um ainda está intransitável nesta tarde, segundo informações do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).

Lecticia Maggi, iG São Paulo |

O alagamento interrompe o tráfego nos dois sentidos da avenida Ministro Laudo Ferreira de Camargo, perto da Avenida Junta Mizumoto. Há ainda outros cinco pontos de alagamento transitáveis na cidade. São eles: Marginal Pinheiros, pista local e pista expressa, na altura da ponte Cidade Universitária e na altura da rua Sumidouro; avenida dos Bandeirantes, próximo ao viaduto República da Armênia; avenida Jornalista Roberto Marinho, altura do número 27; e avenida Vinte e Três de Maio, próximo à praça da Bandeira.

As chuvas que atingiam as zonas leste e sudeste de São Paulo perderam intensidade e, por volta das 13h30, restava apenas céu encoberto e chuviscos isolados.

O estado de atenção, que havia sido decretado nas zonas leste, sul, sudeste e na Marginal Pinheiros, foi retirado por volta das 13h20.

Trânsito

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a cidade tinha, às 14h, 51 km de congestionamento, índice pouco acima da média para o horário. O ponto mais complicado é a avenida dos Bandeirantes, sentido Imigrantes, da Marginal Pinheiros até a rua João Carlos Mallet, com 5 km.

Leia mais sobre: previsão do tempo

    Leia tudo sobre: chuva

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG