Salvador registra 5ª noite de ataques a bases da Polícia Militar e ônibus

SÃO PAULO - Um ônibus e duas bases da Polícia Militar, localizadas no bairro de Pernambués e no Largo do Tamarineiro, em Salvador, Bahia, foram atacadas na noite desta quarta-feira, segundo a polícia.

Redação com Agência Estado |

De acordo com a PM, o veículo foi incendiado no fim da linha no bairro de Tancredo Neves, por volta das 20h30. Em nenhum dos ataques houve feridos.

Série de ataques

Esta foi a quinta noite de ataques na cidade. Na madrugada desta quarta-feira, também foram registrados ataques contra um módulo desativado da Polícia Militar no bairro Engenho Velho da Federação.

AE
Ataques contra a polícia na Bahia

Ataques contra a polícia na Bahia

Ninguém ficou ferido. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, policiais militares iniciaram uma perseguição contra três suspeitos do ataque, que foram mortos na Estrada do Coco, após tiroteio.

Também no início da madrugada de quarta, homens atearam fogo a um ônibus da Empresa Litoral Norte, que não chegou a ser totalmente destruído, no bairro Federação. Até o momento, 12 ônibus foram incendiados e 10 bases atacadas.

A polícia militar está reforçando a segurança na cidade para combater o vandalismo, segundo a Secretaria. Até esta quarta-feira, 14 pessoas haviam sido detidas suspeitas dos ataques.

Transferência de traficantes

Os ataques começaram na madrugada de domingo, quando cerca de 12 homens, em três carros, atiraram em direção aos postos militares do Uruguai, Ribeira, Estações Pirajá e Mussurunga, deixando três policiais feridos e três suspeitos mortos.

O movimento estaria vinculado à transferência do traficante Cláudio Eduardo Campanha, de Salvador, para o presídio de segurança máxima de Campo Grande, no Estado do Mato Grosso do Sul.

Leia também:

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: ataquessalvadorsalvador ba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG