carta de demissão ao presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. A ministra vinha entrando em conflito com posturas do governo referente a políticas de preservação do meio ambiente. Veja abaixo o histórico de sua vida e carreira política." / carta de demissão ao presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. A ministra vinha entrando em conflito com posturas do governo referente a políticas de preservação do meio ambiente. Veja abaixo o histórico de sua vida e carreira política." /

Saiba mais sobre a ministra do Meio Ambiente Marina Silva

SÃO PAULO - A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, entregou na tarde desta terça-feira, 13, uma http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/05/13/ministra_marina_silva_pede_demissao_1309770.html target=_blankcarta de demissão ao presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. A ministra vinha entrando em conflito com posturas do governo referente a políticas de preservação do meio ambiente. Veja abaixo o histórico de sua vida e carreira política.

Redação |

Marina tem uma trajetória muito parecida com a do presidente Lula. Nascida em 1958, na "colocação" (espaço explorado por uma família dentro do território do seringal) Breu Velho, no Seringal Bagaço, a 70 quilômetros de Rio Branco, capital do Acre.

Agência Brasil
Marina e Lula em encontro sobre indígenas
A ministra desde pequena trabalhou com os pais cortando seringueiras e plantando roçados. Também caçou e pescou para ajudar o pai a quitar as dívidas com o dono do seringal. Alfabetizou-se pelo antigo Mobral. Após fazer o supletivo, aos 26 anos, formou-se em História pela Universidade Federal do Acre.

Na faculdade, entrou para um agrupamento político semiclandestino, o Partido Revolucionário Comunista (PRC), que posteriormente seria incorporado ao PT. Em 1985, ela filiou-se ao PT e passou a participar das Comunidades Eclesiais de Base, de movimentos de bairro e do movimento dos seringueiros.

Em 1984, foi fundadora da Central Única dos Trabalhadores (CUT) no Acre, que teve Chico Mendes como seu primeiro coordenador, com Marina atuando como vice-coordenadora. Nas eleições municipais de 88, foi a vereadora mais votada em Rio Branco e conquistou a a única vaga de partidos de esquerda na Câmara Municipal.

Agência Brasil
Ex-ministra participa de encontro do G8

Exerceu seu mandato de vereadora até 1990. Nesse ano candidatou-se a deputada estadual e obteve novamente a maior votação. Em 1994 foi eleita senadora da República, representante do Estado do Acre, pelo Partido dos Trabalhadores, com a maior votação. Na época, aos 36 anos, foi a senadora mais jovem da história da República. Foi Secretária Nacional de Meio Ambiente e Desenvolvimento do Partido dos Trabalhadores, de 1995 a 1997.

Pode-se dizer que se tornou uma das principais vozes da Amazônia, tendo sido responsável por vários projetos, entre eles o de regulamentação do acesso aos recursos da biodiversidade.

Em 2003, com a eleição de Luiz Inácio Lula da Silva para presidente da República, foi nomeada ministra do Meio Ambiente, onde enfrentou conflitos constantes com outros ministros do governo, em questões que contrapõem interesses econômicos aos objetivos de preservação ambiental.

Na edição de novembro de 2006, Marina Silva foi eleita pela revista "Forbes Brasil" uma das mulheres mais influentes na história do País.

A ministra recebeu diversos prêmios no Brasil e no exterior. Entre eles, estão:

- Prêmio Goldmann de Meio Ambiente, como representante das Américas do Sul e Central - São Francisco/EUA (1996);

- Homenagem a "25 Mulheres em Ação no Mundo pela Vida na Terra", do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - ONU, Nova York/EUA, (1997);

- Prêmio al Desarrollo Sostenible 2003 - Fundacion Ecologia y Desarrollo, Barcelona/Espanha (2003);

- Prêmio "Imprensa Estrangeira 2003" - Associação dos Correspondentes de Imprensa Estrangeira no Brasil, Rio de Janeiro/RJ (2003);

- Além disso, seu nome constou na lista de Jovens de Futuro no Mundo, em 1995, elaborada pela revista Time (Nova Iorque/ EUA). Também foi escolhida Mulher do Ano, em 1997, pela revista Miss Magazine (Washington/EUA).

Leia mais sobre: Marina Silva

    Leia tudo sobre: ministra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG