Sabesp assegura que não faltará água no Guarujá-SP

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) antecipou em um ano a entrada em operação de dois reservatórios no Guarujá, na Baixada Santista (SP), e assegurou que não faltará água na cidade nesta temporada de verão. O presidente da Sabesp, Gesner Oliveira, visitou hoje os novos depósitos, nos bairros Santo Antônio e Guaiúba, que, juntos, permitem a armazenagem de 9 milhões de litros de água, um aumento de 43% na capacidade do município.

Agência Estado |

"A gente trabalhou o ano inteiro para que a temporada passasse sem problema de abastecimento. Isso não quer dizer que não haja problemas pontuais, pois, estatisticamente, estamos falando em 3 milhões de pessoas", disse Oliveira, afirmando que, para isso, é preciso que haja o consumo consciente, com o uso máximo de 150 litros de água por pessoa por dia. "Acreditamos que não haverá problemas de abastecimento nessa combinação, de uma oferta programada, planejada e reforçada e de uma demanda sob controle mediante o consumo consciente da população."

Descrito por Oliveira como "um marco", os dois reservatórios custaram R$ 13 milhões, mais de 60% do total de R$ 21,3 milhões investidos este ano na Operação Verão da Sabesp em todo o litoral de São Paulo. Os dois reservatórios começaram a ser construídos no fim de 2007 e, embora ainda não tenham sido concluídos, operam, parcialmente, para garantir abastecimento nos dias de pico do fim do ano, quando a população do Guarujá chega a quadruplicar.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG