Chuva de granizo deixa milhares de desalojados no RS

Pedras tinham tamanho de laranjas. Cidades foram cobertas por camadas de gelo

AE |

selo

As chuvas de granizo que atingiram vários municípios do Rio Grande do Sul na madrugada desta quinta-feira (15) deixaram milhares de pessoas desalojadas. Nas cidades de São Jerônimo e de Fazenda Vilanova, 12.935 pessoas foram afetadas. Cerca de 8 mil estão desalojadas e dez, desabrigadas. Além disso, 2.704 construções foram danificadas.

Leia também: Chuva da madrugada deixa bairros de SP em atenção para deslizamentos

AE
Defesa Civil de São Jerônimo estima que entre 1,5 mil e 2 mil pessoas tenham sido afetadas. Pedras de gelo tinham tamanho de laranjas
Equipe da Defesa Civil do Estado esteve em São Jerônimo na noite desta quarta-feira e já disponibilizou sete rolos de lona para a cobertura das residências atingidas. Outros quatro rolos serão levados ainda na manhã de hoje. 

Segundo a Defesa Civil, os estragos ainda serão avaliados. Ninguém ficou ferido no município e os moradores das casas mais atingidas deverão ser abrigados no ginásio municipal. A chuva de granizo caiu sobre vários bairros da cidade, sendo que a Vila Isabel teria sofrido os maiores danos.

De acordo com a prefeitura de Caxias, cidade gaúcha com mais de 400 mil habitantes, a chuva de granizo também trouxe prejuízos à população local. Neste momento estão sendo computados os estragos, principalmente na zona rural.

No Estado que é um dos grandes produtores de alimentos dos país, o granizo, além de causar danos na área urbana, deixando muitos desalojados, causa preocupação em relação à safra. De acordo com a Defesa Civil, o granizo pode ter destruído a cobertura de alguns armazéns de alimentos particulares, dentro de fazendas.

AE
Chuva de granizo em Caxias do Sul. Cidade ficou com aspecto de regiões afetadas por nevascas

    Leia tudo sobre: rio grande do sulgranizocaxias do sulSão Jerônimo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG