Preso um dos ladrões de banco mais procurados do RS

'Bonitinho' portava documentos falsos e estava escondido na casa de uma amiga em Redentora, na região norte do Estado

AE |

selo

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta tarde, durante a Operação Canudos, O.T.S., de 42 anos, conhecido como "Bonitinho", um dos assaltantes de banco e carro-forte mais procurados do Rio Grande do Sul, segundo a corporação. O suspeito portava documentos falsos e estava escondido na casa de uma amiga no município gaúcho de Redentora, na região norte do Estado. O mandado de prisão preventiva foi expedido pela Justiça Federal de Novo Hamburgo.

O.T.S. era o líder do grupo responsável pelo roubo contra a agência Canudos, da Caixa Econômica Federal, em Novo Hamburgo, ocorrido em 4 de abril deste ano. Na ocasião, 15 funcionários foram feitos reféns por uma quadrilha de pelo menos oito suspeitos, que roubaram cerca de R$ 700 mil. Um dos integrantes já havia sido preso pela Polícia Civil dez dias após o assalto por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

"Bonitinho" tem extensa ficha criminal, incluindo uma condenação por roubo a banco, e já havia sido preso pela PF em 2006. Há fortes indícios de que o investigado tenha participado do sequestro e extorsão de um funcionário da Prosegur - Transporte de Valores - em 5 de maio de 2011, obtendo mais de R$ 1 milhão.

    Leia tudo sobre: bancoassaltoprisão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG