Cinco pessoas são indiciadas por fraude na Mega-Sena no RS

Polícia concluiu que houve fraude na retirada do maior prêmio regular da loteria no País

AE |

selo

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul indiciou nesta sexta-feira cinco pessoas por fraude em um concurso da Mega-Sena de outubro de 2010. Advogados de dez funcionários da prefeitura do município de Fontoura Xavier , na região norte do Estado, noticiaram o problema após o prêmio ter sido destinado a um único ganhador. Eles alegavam que o bilhete premiado no concurso pertencia a um bolão feito pelo grupo. O valor, de R$ 119 milhões, foi o maior prêmio regular da loteria no País

O homem que organizou o bolão era acusado pelos colegas de ter retirado o bilhete premiado do bolo de apostas. Ele teria sido entregue a um empresário, no interior do Rio Grande do Sul, que sacou a quantia como único ganhador. 

A investigação concluiu que houve subtração do bilhete premiado e troca por outro, de um concurso anterior. Os cinco indivíduos foram indiciados por diferentes razões, entre crimes de estelionato, falso testemunho e formação de quadrilha.

    Leia tudo sobre: rio grande do sulmega-senafraude

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG