Tumulto suspende audiência pública sobre licitação de ônibus em Porto Alegre

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Confronto de manifestantes com a Guarda Municipal interrompeu encontro cerca de meia hora após o início

Uma audiência pública sobre a licitação dos ônibus foi cancelada após um tumulto na noite desta segunda-feira (10), no Ginásio Tesourinha, em Porto Alegre.

Cau Guebo/Futura Press
Audiência pública sobre a licitação dos ônibus é cancelada após tumulto

A confusão começou meia hora após o início da audiência quando cerca de 400 participantes que estavam dentro do ginásio retiraram as celas que dividem a quadra da arquibancada e invadiram o espaço destinado às autoridades. Houve confronto com a Guarda Municipal, e disparos de choque elétrico com armas taser acertaram alguns manifestantes. 

Pelo Twitter, o prefeito José Fortunati criticou a atuação do Bloco de Luta pelo Transporte Público. "Com pedras, rojões e pedaços de pau, agredindo as pessoas que participavam da assembléia, o Bloco de Luta deu uma clara demonstração de que não deseja que a lícitação aconteça." Em nota, a prefeitura afirma que considerou a audiência válida. 

Em nota publicada no Facebook, o Bloco de Luta pelo Transporte Público avalia a audiência como "uma farsa sem tamanho" e exige que o transporte seja público. "Impossível legitimar uma audiência que, em nenhum momento, teve organização e debate. Não houve audiência! O que houve foi a resistência popular contra essa máfia burguesa do transporte público!", diz a nota.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas