Assembleia decidirá sobre fim de greve de ônibus em Porto Alegre

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Paralisação chega ao nono dia nesta terça-feira (4). Vans escolares operam como alternativa para os passageiros

Futura Press
Grevistas barraram a saída de ônibus da empresa Estoril em Porto Alegre

A greve dos rodoviários de Porto Alegre entra no nono dia nesta terça-feira (4), mas uma assembleia marcada para esta manhã pode encerrar a paralisação a partir das 12h. O encontro vai avaliar proposta discutida entre entre empresários e funcionários na segunda-feira (3) no Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Com greve de ônibus, vans escolares viram alternativa

Grevistas exigem reajuste de 14%

A proposta prevê reajuste de 7,5% nos salários, aumento de R$ 3 no vale-refeição (para R$ 19 por dia), e também redução da contrapartida do plano de saúde de R$ 40 para R$ 10 e abono do ponto nos dias de greve. Inicialmente, a categoria exigia reajuste salarial de 14% e vale refeição de R$ 20 por dia, além do fim do banco de horas.

Caso a proposta seja aprovada pelos trabalhadores, as atividades começam ser retomadas ao 12h e a expectativa é 70% da frota esteja circulando a partir das 16h. De acordo com a Rádio Gaúcha, a volta parcial ao trabalho será mantida até a meia-noite de quinta-feira (6), quando outras reivindicações serão negociadas. Em caso de acordo, as atividades voltam ao normal na sexta-feira (7). Enquanto os ônibus não voltam a circular, vans escolares operam como alternativa aos passageiros. 

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas