RS enfrenta temperatura abaixo de zero e tem segunda morte por causa do frio

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Mínima registrada foi de -3,8°C em Bom Jesus e São José dos Ausentes, nos Campos de Cima da Serra

A temperatura voltou a cair para abaixo de zero em diversas regiões do Rio Grande do Sul na madrugada desta quarta-feira (24). A mínima registrada pelo 8º Distrito de Meteorologia foi de -3,8°C em Bom Jesus e São José dos Ausentes, nos Campos de Cima da Serra. Com o frio, duas pessoas morreram no interior do Estado.

Leia sobre o frio no resto do País:
Frio segue intenso e mínima chega a -4,5°C em cidade do Paraná
Frio bate novo recorde na madrugada desta quarta-feira em São Paulo

Neve começou a cair na cidade de São Joaquim (SC) às 23h com temperatura a 0°C (27/08). Foto: São Joaquim OnlineSão Joaquim (SC) teve neve pela 7ª vez no interior e 4ª na cidade em menos de um ano (27/08). Foto: Futura PressNeve mudou a paisagem da cidade de São Joaquim (SC) na última madrugada (27/08). Foto: São Joaquim OnlineSão Joaquim (SC) registrou os primeiros flocos de neve nesta manhã de quarta-feira, às 6h. (14/08). Foto: São Joaquim OnlineMínima hoje foi de 0,8°C em São Joaquim (SC); ventos chegam a 80 km/h na região (14/08). Foto: São Joaquim OnlineGeada nesta quinta-feira (25), na cidade de São Francisco de Paula (RS). . Foto: Matheus Piccini/Futura PressGeada atinge a cidade de Curitiba (PR), nesta quarta-feira (24).. Foto: Vagner Rosario/Futura PressGeada na manhã desta quarta-feira (24), em Santana do Livramento (RS). . Foto: Fabian Ribeiro/FuturaPressPedestre enfrenta forte frio no Largo Santa Cecí­lia, em São Paulo, nesta quarta-feira (24).. Foto: Nico Nemer/Futura PressMorro do Cambirela, em São José (SC), amanheceu coberto de neve. Termômetros chegaram a registrar 6°C (23/07). Foto: Futura PressGeada atinge a cidade de Frederico Westphalen (RS), na manhã desta terça-feira (23).. Foto: Jardel da Costa/Futura PressO clima deixou os pastos brancos em Frederico Westphalen (RS). Foto: Jardel da Costa/Futura PressSão Joaquim (SC) voltou a registrar neve na última noite. Gelo mudou o cenário da cidade (22/07). Foto: São Joaquim OnlinePlaca da cidade congelou na noite de segunda-feira após baixas temperaturas no Estado (22/07). Foto: São Joaquim OnlineNeve começa a cair na cidade de Palmas, no Paraná, na noite desta segunda-feira (22/07). Foto: Futura PressNa capital do Paraná, os termômetros chegaram a registrar 3ºC, o que não impediu o treino de soldados. Foto: Vagner Rosario/Futura PressTuristas e moradores passeiam em São Joaquim, em Santa Catarina, que foi a primeira cidade onde houve registro de neve neste inverno.. Foto: Anselmo Nascimento/Mural/Futura PressCarros amanheceram cobertos de neve na cidade de São Joaquim, em Santa Catarina.. Foto: Anselmo Nascimento/Mural/Futura PressBoneco de neve na cidade de São Joaquim, em Santa Catarina.. Foto: Anselmo Nascimento/Mural/Futura PressSenhor fazendo bonequinhos de neve em São Joaquim, em Santa Catarina.. Foto: Anselmo Nascimento/Mural/Futura PressPopulação tirando foto na cidade São Joaquim, em Santa Catarina, que teve o primeiro registro de neve neste inverno.. Foto: Anselmo Nascimento/Mural/Futura PressCidade de São Joaquim, em Santa Catarina, amanheceu com temperaturas negativas nesta segunda-feira (22).. Foto: São Joaquim OnlineSão Joaquim, em Santa Catarina, amanheceu com neve nesta segunda-feira (22).. Foto: São Joaquim OnlinePrimeiro registro de neve do inverno 2013 foi em São Joaquim, Santa Catarina, na madrugada desta segunda-feira (22).. Foto: São Joaquim OnlineSão Joaquim, Santa Catarina. Foto: São Joaquim Online

Não houve mais ocorrência de neve como na segunda-feira (22), e na terça-feira, (23), mas a geada cobriu grande parte do território gaúcho. O fenômeno foi considerado "forte" em Bom Jesus, Cambará do Sul, Passo Fundo e Lagoa Vermelha, na metade norte do Estado, e Encruzilhada do Sul e Santana do Livramento, na metade sul.

O município de Sinimbu registrou o primeira morte provocada pelo frio intenso que atinge a região. Um homem de 53 anos foi encontrado morto em uma propriedade rural do município e a causa da morte foi confirmada como hipotermia (quando a temperatura do corpo cai abaixo do normal).

De acordo com o secretário de Saúde de Sinimbu, Plínio Weigel, o homem foi encontrado sem marcas de violência, mas com sinais de embriaguez. “Ele deve ter dormido do lado de fora e como está muito frio, não resistiu”.

A outra vítima foi Vilmar Brazilista, de 55 anos, localizado em um terreno dos arredores de Panambi, no noroeste do Estado, no domingo (21). Neste caso, a polícia também não encontrou vestígios de violência e atribuiu o óbito à hipotermia.

As temperaturas na região devem permanecer muito baixas pelo menos até o fim de semana, quando devem aumentar um pouco e chegar a máximas de 4°C, de acordo com o Inmet.

* Com AE e Agência Brasil

Leia tudo sobre: frioinverno 2013rio grande do sul

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas