Incêndio destrói parte do Mercado Público de Porto Alegre sem deixar vítimas

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo bombeiros, chamas consumiram 30% do prédio histórico. Perícia tenta identificar causas do incidente

O incêndio que atingiu o Mercado Público no centro de Porto Alegre (RS), às 20h30 de sábado (6), consumiu 30% do prédio histórico, segundo o Corpo de Bombeiros, e prejudicou a visibilidade na região por causa da fumaça. O incidente não deixou vítimas.

Madrugada: Forte incêndio atinge favela em Heliópolis e deixa um morto

Futura Press
Incêndio atinge Mercado Público da cidade de Porto Alegre (RS) (6/7)

Segundo a imprensa gaúcha, uma equipe do Instituto-geral de Perícias (IGP) chegou na manhã deste domingo ao local no Largo Glênio Peres para tentar encontrar as causas do incidente. 

Análises iniciais indicam que parte das lojas de três quadrantes do piso superior, onde funcionam restaurantes, foram total ou parcialmente danificadas pelo fogo. A maioria das 111 lojas fica no piso térreo e não foi atingida pelas chamas.

Citado pelo Zero Hora, o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros, Adriano Krukoski, afirmou que pelo menos 50% das lojas localizadas no segundo pavimento do mercado foram destruídas. Estima-se que 90% da parte superior tenha sido queimada.

Leia tudo sobre: porto alegremercado públicoincêndio

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas