Enquanto tentava sair do imóvel, o criminoso foi surpreendido pela vítima, que tinha no armário um revólver calibre 38 guardado há 35 anos

Estadão Conteúdo

Um homem ainda não identificado foi morto no último sábado por uma idosa, quando tentava assaltar seu apartamento, no centro de Caxias do Sul, na serra gaúcha. A autora dos disparos foi uma mulher de 87 anos. A polícia foi acionada e, chegando ao local, se deparou com o homem ferido no peito e na perna com três tiros. Ele foi socorrido, mas não sobreviveu aos ferimentos.

Conforme contou à polícia, a idosa foi acordada pelo invasor, em seu quarto. Os policiais acreditam que ele tenha entrado no prédio pelo telhado e ingressado no apartamento da vítima pela janela da sala.

Tentando acalmar a aposentada, o suspeito teria pedido calma e continuou a andar pelo apartamento. Enquanto tentava sair do imóvel, foi surpreendido pela vítima, que tinha no armário um revólver calibre 38 guardado há 35 anos.

Conforme os policiais, o intruso teria tentado desarmar a idosa, que disparou, acertando o peito e uma das pernas do invasor. Assustada, ela se trancou no apartamento e chamou a polícia.

A aposentada passa bem. Ela prestou depoimento na 2ª Delegacia de Pronto-atendimento e foi liberada. A mulher deverá responder ao inquérito em liberdade por se tratar de legítima defesa.

Até a noite desse domingo, o homem não havia sido reconhecido por familiares no Instituto Médico Legal de Caxias do Sul.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.