O Centro Estadual de Vigilância em Saúde confirmou hoje mais 15 mortes provocadas pela gripe suína no Rio Grande do Sul, depois de receber resultados de exames feitos pela Fiocruz e pelo Laboratório Central do Estado (Lacen). Com os novos registros, o Estado passa a ter 70 óbitos causados pela doença.

As 15 mortes ocorreram entre os dias 20 de julho e 12 de agosto. As vítimas tinham idade de um mês a 55 anos. Nove delas eram de sexo feminino. Cinco óbitos ocorreram em Porto Alegre, dois em Caxias do Sul e Montenegro e um em Passo Fundo, São José do Ouro, Não-Me-Toque, Santa Cruz do Sul, Cachoeira do Sul e Soledade.

Avaliações feitas pela Secretaria Estadual da Saúde indicam que a velocidade de contágio da gripe suína começou a perder força em Uruguaiana, Santa Maria, Caxias do Sul e Passo Fundo, que foram as primeiras cidades atingidas pela doença. Ao mesmo tempo, a gripe A está se espalhando rapidamente em Porto Alegre e região metropolitana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.