Tamanho do texto

Equipes do Serviço de Salvamento e Resgate do 5º Distrito Naval (Salvamar Sul) decidiram manter as operações de busca ao velejador argentino Alberto Canessa, de 68 anos, na costa do Rio Grande do Sul, mesmo que não tenham encontrado nenhum vestígio dele até hoje à noite. O navegador viajava sozinho de Buenos Aires a Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, e seu veleiro teria afundado.

Na segunda-feira ele foi visto a bordo de um bote inflável pela tripulação de um navio panamenho, que se viu impedida de socorrê-lo por causa de uma tempestade. Desde então o argentino é procurado pelas equipes de resgate.