O roubo de dois caixas eletrônicos de uma agência do Branco do Brasil localizada em Vila Galvão, em Guarulhos, na Grande São Paulo, na madrugada de hoje, se transformou numa perseguição que se estendeu pela Rodovia Presidente Dutra, gerando uma intensa troca de tiros em ruas da capital que terminou com saldo de dois PMs feridos. Ocupando cinco carros, os criminosos atiraram contra uma base da 2ª Companhia do 5º Batalhão localizada no Jardim Brasil, zona norte da capital.

Nenhum policial ficou ferido, apesar de a base ter sido atingida por muitos disparos.

Nos tiroteios que seguiram, dois policiais militares, identificados como cabo Júlio, do 15º Batalhão, e soldado Rodrigo, do 05º Batalhão, foram baleados na cabeça: o primeiro de raspão, mas o segundo ficou gravemente ferido. Ambos foram encaminhados ao pronto-socorro do Hospital Nipo-Brasileiro. Até a manhã de hoje, a polícia não tinha informação sobre se algum dos criminosos foi detido. Várias viaturas da PM deslocaram-se até o pronto-socorro da Vila Maria Baixa após receberem informação de que suspeitos haviam invadido o hospital e tomado aventais brancos na tentativa de despistar a polícia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.