Rolling Stones assinam contrato de longo prazo com Universal Music

Londres, 25 jul (EFE) - Os Rolling Stones assinaram um acordo exclusivo de longo prazo com a gravadora Universal Music, o que representa um duro golpe para a EMI, o selo anterior da banda britânica. Em comunicado, a Universal Music, a maior fonográfica do mundo, disse hoje que o contrato com os Stones cobre futuros álbuns e um catálogo de sucessos como os discos Sticky fingers e Black and Blue ou temas como Its only rock and roll, Start me up e Brown sugar. As novas gravações da banda serão lançadas através do selo Polydor, da Universal, destacou a empresa. A contratação dos roqueiros veteranos pela Universal representou um revés para a EMI, uma das quatro maiores fonográficas do mundo, com Universal, Sony BMG e Warner. A EMI perdeu várias de suas estrelas, entre elas o Radiohead e Paul McCartney, ao ser comprada pela empresa de investimento privado Terra Firma, em 2007. As pessoas da Universal pensam no futuro, são criativas e práticas. Temos vontade de trabalhar com eles, disseram os artistas no comunicado.

EFE |

Em março, a Universal Music lançou o álbum com a trilha sonora de "The Rolling Stones - Shine a Light", o filme dirigido por Martin Scorsese sobre um show da banda no teatro Beacon de Nova York em 2006. EFE jm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG