Rolling Stone italiana elege Berlusconi estrela do rock de 2009

ROMA ¿ A edição italiana da revista Rolling Stone escolheu o primeiro-ministro Silvio Berlusconi como a estrela do rock do ano em homenagem a seu estilo de vida digno de um grande roqueiro.

Reuters |

Reuters

Capa da Rolling Stone italiana

Uma ilustração de Berlusconi sorridente estampa a capa da edição de dezembro, tendo ao fundo a bandeira italiana. Os escândalos do primeiro-ministro incluem se envolver com uma modelo de lingerie de 18 anos e ter supostamente dormido com uma prostituta depois de uma festa.

Carlo Antonelli, editor da Rolling Stone Itália, disse que o magnata da mídia de 73 anos foi escolhido de forma unânime pela equipe da revista. "Este ano a escolha foi unânime por seus méritos óbvios devido a um estilo de vida que nada deixa a dever às palavras 'rock and roll'", disse Antonelli em um comunicado. "Rod Stewart, Brian Jones e Keith Richards no auge eram fichinha em comparação".

Foi um ano turbulento para o bilionário Berlusconi, com sua segunda mulher, Veronica Lario, exigindo divórcio em maio depois de surgirem fotografias do primeiro-ministro na festa de aniversário de uma aspirante a modelo. Berlusconi, que havia dito à sua mulher que estava em uma conferência, negou qualquer romance.

Depois a Itália entrou em ebulição, com a Igreja italiana declarando sua "mortificação" quando uma garota de programa chamada Patrizia D'Addario alegou em julho que recebeu dinheiro para participar de uma festa na mansão de Berlusconi, em Roma, e que havia dormido com o primeiro-ministro.

Ela chegou a mostrar gravações de conversas com um homem que ela disse ser Berlusconi. O primeiro-ministro não comentou a notícia, mas admitiu que "não era um santo".

Antonelli negou que sua revista tivesse qualquer agenda política por trás da escolha. "Estamos longe de favorecer a esquerda ou a direita... o comportamento diário de Silvio Berlusconi, sua vitalidade furiosa, seu estilo de vida inimitável lhe deram, principalmente este ano, uma incrível popularidade internacional", disse.

Leia mais sobre: Silvio Berlusconi

    Leia tudo sobre: itáliarolling stonesilvio berlusconi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG