A Polícia Rodoviária Federal liberou parcialmente o tráfego na BR-376, principal ligação entre Curitiba e Florianópolis, na madrugada de hoje. Ele estava interrompido em razão de queda de barreira no quilômetro 684, quase na divisa do Paraná com o Estado de Santa Catarina.

Mas a polícia recomenda que os motoristas utilizem essa alternativa apenas em caso de urgência e com muito cuidado, pois foi liberada apenas uma pista, que se transformou em mão dupla. O tráfego nos quilômetros 12 e 13 da BR-101 (continuação da BR-376 em Santa Catarina) também está liberado.

Naquele local houve afundamento da pista. Uma delas foi coberta com camada de asfalto para ser liberada. A concessionária Autopista Litoral Sul, que administra as duas rodovias, tinha colocado cerca de 150 operários trabalhando durante 24 horas. O tráfego estava interrompido desde domingo. Na BR-376, houve três deslizamentos de terra. Em um deles, as terras cobriram uma residência, onde também funcionava um comércio. O proprietário, Jair Dias, de 45 anos, acabou morrendo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.