Três rodovias em São Paulo reuniam trechos de congestionamento na tarde de hoje. A Régis Bittencourt registrava cinco quilômetros de morosidade a partir do quilômetro 336, em Juquitiba, no sentido Paraná.

Além do excesso de veículos, o tráfego era prejudicado pelo afunilamento da pista, que no trecho passa de duas para uma faixa. Pela manhã, a fila de engarrafamento chegou a 10 quilômetros.

Em São Lourenço da Serra, a lentidão na Régis Bittencourt ia do quilômetro 316 ao 320, no sentido da capital paulista. Por volta das 13h30, um caminhão carregado com papelão tombou no trecho, provocando a interdição de uma faixa. Uma pessoa ficou ferida e foi encaminhada ao pronto-socorro do município.

A Fernão Dias apresentava tráfego pesado entre os quilômetros 62 e 68, em Mairiporã, no sentido Minas Gerais.

Na Imigrantes, havia morosidade do quilômetro 47 ao 53, no sentido da Baixada Santista. Nos dois casos, o motivo era o grande volume de veículos.

O Sistema Anchieta-Imigrantes operava no esquema cinco por cinco - as pistas sul das duas vias dão acesso ao litoral e as pistas norte, à capital.

Nas vias Anhangüera, Bandeirantes, Castelo Branco e Raposo Tavares, o movimento era normal. Na Anhangüera e Bandeirantes, desde às 13 horas de ontem até hoje à tarde, o tráfego foi de 229 mil veículos. No período, houve 24 acidentes, que deixaram duas pessoas mortas e nove feridas.

Através da Castelo Branco e da Raposo Tavares saíram da capital cerca de 86 mil veículos de ontem até o meio-dia de hoje. Nesse intervalo, ocorreram 12 acidentes, com cinco pessoas com ferimentos leves.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.